Home Institucional Graduação Pós Graduação Cursos Livres/Extensão Acadêmico OnLine Contato
 
FAMIPAR Forma a 1º Turma do Curso de “Aconselhamento Familiar”   

    
O cerimonial de entregas de certificado aconteceu dia 18/03/2015 ás 19h:30min no Auditório da Catedral Nossa Senhora Aparecida de cascavel e contou com a presença dos formandos, convidados e autoridades. A FAMIPAR parabeniza os formados por essa etapa alcançada. 
->
Discurso da Formada Janete Marques em nome da Turma:
Ilustríssimo e Reverendíssimo Senhor Diretor da Faculdade Missioneira do Paraná Padre Adimir Antonio Mazali BOA NOITE.
Cumprimentando-o estendo o nosso cordial cumprimento a todos os componentes da mesa.
Boa noite também aos amigos companheiros de Curso, seus familiares e amigos presentes.
 
No final deste Curso Aconselhamento Familiar podemos afirmar convictos que daqui sairemos enriquecidos, com amplas bases teóricas e práticas técnicas que nos possibilitam a intervenção curadora nos conflitos familiares que possivelmente depararemos no nosso dia a dia.
Durante esse tempo estudamos, refletimos e sentimos que numa sociedade onde a Família vive uma constante degradação, precisamos elevar a nossa voz e fazer de nossas ações uma reivindicação do direito básico à dignidade do ser humano, no convívio familiar, porque sabemos, a família é o primeiro berço da vida humana, é a primeira escola de afetos, é o laboratório de relações humanas onde se formam e se aprimoram os diferentes tipos de pessoas.
Oportunizando-nos deste momento, agradecemos a FAMIPAR, juntamente com o seu corpo docente e funcionários, pois, além de oferecer um curso com o compromisso de formar cidadãos comprometidos com a vida e com os  valores humanos, ensinaram-nos, através de seus exemplos que sempre podemos ser  melhor;
que RESSIGNIFICAR pode ser uma prática diante das experiências extenuantes;
que perdoar a si mesmo e ao outro é possível e significa recomeçar e querer o bem.
Aprendemos ainda que aconselhar não é apresentar soluções, mas é ouvir e olhar além das aparências, olhar com os olhos da aceitação, do respeito e do perdão.
Se a dignidade no convívio familiar é um direito de cada ser, que sejamos instrumento de valorização da família e que ela seja um grande tesouro para cada pessoa.
Isto me faz lembrar de uma pequena história:
Um professor promovia uma pequena gincana em sua sala de aula e para diagnosticar se seus alunos sabiam o que era “valor” pediu a eles que percorrendo a escola procurassem algum objeto de valor para uma pequena apresentação.
Os alunos então correram por toda a escola.
O professor observou que um garoto não saiu do seu lugar.
Após alguns minutos os alunos retornaram cada um com seu objeto.
O professor pediu então que eles mostrassem o haviam encontrado de valor.
Um aluno apresentou um vaso de porcelana portuguesa que enfeitava a secretaria.
Outro mostrou um relógio importado que havia conseguido emprestado.
Uma aluna apresentou uma joia, outro o celular mais moderno que havia...
e assim cada um apresentava o que lhe era valioso.
Chegando a vez do garoto que não havia saido do lugar, este mostrou uma foto e mostrando a foto de sua família disse:
“Meus pais e meus irmãos são um grande tesouro para mim, pois é junto deles que me sinto seguro e sei que sou amado”.
 
Aconselhadores é provável que sejamos, mas que também sejamos propagadores e defensores da dignidade humana e familiar.
Que Deus, que conosco está em todo momento, abençoe a cada um de nós e a cada família.
Obrigada.
 
Janete Marques
 

 
FIES PROUNI COLAP CPA Trabalhe Conosco Parceria Links de Interesse
Ir para Home